Sociedade

Defesa de agentes condenados no caso Cova da Moura vai recorrer de decisão

Caso remonta ao ano de 2015.

A defesa dos oito polícias condenados no caso Cova da Moura vai recorrer da decisão.

De acordo com a Lusa, o recurso vai ser apresentado no Tribunal de Lisboa.

Esta segunda-feira, oito dos 17 agentes da PSP da esquadra de Alfragide, Amadora, foram condenados a penas até cinco anos de prisão por crimes de sequestro, ofensa à integridade física agravada, denúncia caluniosa e falsificação de documentos.

Recorde-se que o caso remonta a 5 de fevereiro de 2015. Os arguidos foram acusados, de terem, alegadamente, agredido e insultados seis jovens da Cova da Moura.