Desporto

Ásia. Vítor Pereira junta-se ao quarteto luso nos oitavos da Champions

O Shanghai SIPG goleou na última jornada da fase de grupos (5-0 ao Ulsan Hyundai) e terminou em segundo no grupo H

Era o único treinador português em prova que ainda não havia garantido o apuramento para os oitavos-de-final; agora já não é. Esta terça-feira, Vítor Pereira levou o seu Shanghai SIPG a uma goleada na receção ao Ulsan Hyundai (5-0) e garantiu o segundo lugar no grupo H da Liga dos Campeões asiática e consequente apuramento para a fase a eliminar.

O internacional brasileiro Oscar, com um hat-trick (7', 42' e 76'), foi a grande figura do campeão chinês, que desta feita não contou com Hulk. Li Shenglong (67) e Hu Jinghang (88) fizeram os restantes tentos do conjunto orientado pelo técnico português, que conclui a fase de grupos com nove pontos, menos dois que o adversário de hoje e um a mais que os japoneses do Kawasaki Frontale, cuja goleada na Austrália (0-4 ao Sydney FC) de nada serviu.

Vítor Pereira junta-se assim a José Morais, Rui Vitória, Jesualdo Ferreira e Rui Faria, todos já com a presença garantida nos oitavos-de-final desde a ronda anterior. O Jeonbuk Motors de José Morais empatou esta terça-feira a zero na receção aos tailandeses do Buriram United, mas já tinha mesmo assegurado o primeiro lugar no grupo G. Ainda esta terça-feira, o Al Nassr de Rui Vitória, que na semana passada se sagrou campeão na Arábia Saudita, irá disputar o primeiro lugar do grupo A ao Irão, frente ao Zob Ahan.

Nesta segunda-feira, o Al Duhail de Rui Faria empatou (2-2) na receção aos sauditas do Al Hilal, concluindo a participação na fase de grupos no segundo posto do grupo C, precisamente atrás da ex-equipa de Jorge Jesus. Já o Al Sadd perdeu por 2-0 no terreno do Persepolis, do Irão, mas garantiu ainda assim o primeiro lugar no grupo D, naquele que foi o último jogo de Jesualdo Ferreira no campeão catari e de Xavi como futebolista profissional: o lendário médio espanhol irá agora substituir o treinador português no comando técnico.