Sociedade

Novela da SIC mobiliza Proteção Civil para recriar cenário de incêndios de 2017

Filmagens contaram com várias corporações de bombeiros, militares do GIPS e o SIRESP

Um forte contingente de meios de combate a incêndios e de emergência foram mobilizados, esta quarta-feira, para as filmagens, em Leiria, de uma novela da SIC, que pretendia recriar os incêndios de outubro de 2017, que provocaram dezenas de mortes.

A informação foi avançada pelo Jornal de Notícias que dá conta de que as filmagens incluem a fuga em pânico de banhistas nas praias da região e que o posto de comando também foi replicado "exatamente onde esteve o verdadeiro há dois anos".

Tudo não passou de uma simulação, mas ainda assim contou com a presença de várias corporações de bombeiros, como a de Leiria, a de Ortigosa e a de Maceira, militares do Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS), a Força Especial de Bombeiros e o SIRESP.

O comandante dos Bombeiros de Maceira, contactado pelo Notícias ao Minuto, explicou que o pedido foi feito pela produtora da novela Flor de Sal à Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, que foi quem avaliou "a possibilidade de os meios serem utilizados para fazer cenário".

Luís Ferreira fez ainda questão de sublinhar, à mesma publicação, que "não foram utilizados meios operacionais nem tão pouco veículos de combate a incêndios. Foi apenas para figuração”, não tendo ficando, por isso, em causa o recurso a meios numa situação de necessidade efetiva.