Desporto

Ténis. João Sousa cai na primeira ronda de Roland Garros

O tenista português perdeu os três sets frente ao espanhol Pablo Carreño-Busta, que não ganhava uma partida desde janeiro

João Sousa foi eliminado na primeira ronda de Roland Garros, o segundo torneio do Grand Slam de 2019, repetindo o que havia sucedido na temporada passada. O número um português (70.º no mundo) perdeu os três sets frente ao espanhol Pablo Carreño-Busta, antigo top-10 mundial e hoje no lugar 57 do ranking ATP.

Carreño-Busta não vencia uma partida desde o Open da Austrália, em janeiro, mas superou João Sousa pelos parciais de 6-3, 6-1 e 6-2, em uma hora e 42 minutos, qualificando-se assim para a segunda ronda, onde irá defrontar o australiano Alex de Minaur (21.º do mundo). Já João Sousa despede-se da prova de singulares com um prémio de 46 mil euros, mantendo-se ainda em competição na vertente de pares, ao lado do argentino Leonardo Mayer.

Em grande entrou Rafael Nadal, que procura o 12.º título em Roland Garros. O tenista espanhol, atual número dois do mundo, afastou o alemão Yannick Hanfmann (180.º) em três sets que não deixam margem para dúvidas: 6-2, 6-1 e 6-3. Na próxima ronda irá enfrentar outro germânico: Yannick Maden, número 114 da hierarquia mundial.