Desporto

"O FC Porto foi muito prejudicado na final da Taça de Portugal"

Diretor de comunicação do FC Porto criticou arbitragem e não esqueceu o Benfica.

DR  

Francisco J. Marques considerou, esta terça-feira, que o FC Porto foi “muito prejudicado” na final Taça de Portugal, frente ao Sporting, e criticou a arbitragem liderada por Jorge Sousa.

"Com certeza que os senhores que estavam no VAR na cidade do futebol viram este lance o empurrão ao Hernâni e não o assinalaram. A questão é saber porque é que não o fizeram? Mas há um lance que é ainda mais flagrante, quando Jorge Sousa decide mostrar o amarelo ao corte do Coates. Uma decisão estranha, quando o lance é óbvio. Parece que os árbitros têm um critério muito mais apertado com o FC Porto", disse o diretor de comunicação dos ‘dragões, no Porto Canal.

Além de falar em “lances polémicos” no jogo que levou o Sporting a conquistar a Taça de Portugal, Francisco J. Marques lançou ainda farpas ao Benfica.

"Já o Benfica nos últimos jogos fora teve arbitragens muito simpáticas, com lances que são de bradar aos céus. Na final da Taça temos três lances polémicos todos decididos contra o FC Porto. É sistemático. O empurrão ao Hernâni é muito visível e o que é que vai suceder ao VAR? Vai ficar de castigo? O que vai acontecer a estes árbitros que tiveram este desempenho tão mau? Como se vai disputar a competição com equidade? Mais uma vez o FC Porto foi muito prejudicado na final da Taça de Portugal, provavelmente teria ido na mesma para penáltis, mas de uma forma muito mais justa. Coates puxa Soares, Hernâni é empurrado por Acuña com as duas mãos e recusam-se a assinalar o que acontece", acrescentou.