Sociedade

Serviços da rede SIRESP vão continuar a funcionar, assegura Altice

“A Altice Portugal reafirma que garantirá, como prestador de serviços à SIRESP SA, todos os serviços de rede necessários à segurança das populações”

A Altice Portugal revelou esta quarta-feira que o SIRESP vai continuar em funcionamento.

“A Altice Portugal reafirma que garantirá, como prestador de serviços à SIRESP SA, todos os serviços de rede necessários à segurança das populações. Ao contrário do que alguns afirmam, a Altice Portugal não é nem será responsável por um eventual ‘desligamento’ do Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal”, revela a operadora em comunicado.

Na mesma nota, a Altice indica que sempre “considerou que a rede SIRESP se reveste de grande relevância para o país” e que tem vindo a defender “a necessidade de investimentos adicionais” na rede.

“É claro para todos o sucesso destes passos e os resultados alcançados, com uma considerável redução da área ardida, com 100% de eficácia durante incêndios e intempéries, resultados esses amplamente elogiados e reconhecidos pelo país e pelas autoridades, incluindo autarcas e membros do atual Governo. Hoje ninguém tem dúvidas da melhoria da qualidade, robustez e eficácia da Rede SIRESP”, indica a nota.

Por isso, a operadora assegura que a “segurança dos portugueses” foi sempre “a principal preocupação e postura tidas pelos acionistas da SIRESP SA”.

A operadora diz ainda que é “totalmente alheia ao contexto financeiro” da rede e que “nunca fechou a porta ao diálogo com o Estado”, tendo sempre demonstrado “disponibilidade e abertura para discutir a proposta do Governo para a compra da sua posição acionista, encontrando-se ainda em processo negocial”.

“A Altice Portugal é contra o alarme social. A Altice Portugal é uma empresa responsável, que se pauta por uma conduta de paz social. Por isso mesmo, só agora se pronuncia sobre este tema, face à gravidade das falsidades hoje transmitidas. A Altice Portugal vai continuar concentrada no que é importante: investir, dar emprego e criar valor, sem jogos de poder ou de bastidores”, remata a operadora.