Sociedade

Casal condenado por abusar sexualmente da filha

Tribunal de Évora condenou o casal a 13 anos de prisão efetiva.


Um casal, de 26 e 37 anos, foi condenado a 13 anos de prisão efetiva por abusar sexualmente da filha de três anos. A decisão foi tomada pelo Tribunal de Évora e divulgada durante esta quinta-feira, pelo Ministério Público (MP).

Os pais da criança foram condenados pela prática de dois crimes de abuso sexual agravado, como refere um comunicado publicado pela Comarca de Évora a que o SOL teve acesso.

“Os arguidos atuaram com consciência de que a menor é sua filha, que tinha apenas três anos, que se encontrava à sua guarda e cuidados, agindo com o propósito concretizado de obterem prazer sexual e de satisfação dos seus instintos libidinosos”, referiu o MP, dando conta que os abusos aconteceram entre o final de 2017 e o início de abril do ano passado.

A leitura do acórdão realizou-se esta quarta-feira, no Tribunal de Évora. Os arguidos permanecem em prisão preventiva.