Internacional

Crianças picam-se com seringa de droga em autocarro

As raparigas foram submetidas a análises e exames.

Num autocarro que viajava entre Grimbsby e Cleethorpes, no Reino Unido, três irmãs picaram-se com uma seringa de droga usada. Ouviram-se gritos de uma das três raparigas: a mais nova, com seis anos, foi a primeira a picar-se quando se sentou num dos bancos do transporte. As outras duas, quando foram ver aquilo que havia acontecido, magoaram-se igualmente.

A seringa estava tapada com um bilhete de viagem, do autocarro, e por isso as raparigas não a viram. A mãe das crianças publicou na sua página de Facebook o que aconteceu e pediu cautela a quem viaja de autocarro.

Posteriormente, uma representante da empresa automobilística 'Stagecoach' à qual o autocarro pertencia, afirmou que a preocupação sobre o sucedido estava presente e explicou: "Todos os nossos autocarros são equipados com o sistema de vigilância CCTV, que pode ser usado como prova para processar indivíduos envolvidos em comportamento anti-social".

A irmã mais nova foi submetida a exames e a injeções, sobretudo para a hepapite B, como precaução e despiste, no Diana Princess of Wales Hospital. As outras duas irmãs também fizeram análises.

Os resultados dos exames ainda não foram divulgados.