Sociedade

Homem detido após ameaçar ter bomba a bordo de avião no Aeroporto do Porto

Passageiros chegaram a ficar retidos no interior

Um italiano de 26 anos foi detido esta terça-feira num voo da companhia aérea Ryanair, no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, depois de ter gritado que havia uma bomba a bordo.

O avião tinha partido de Bérgamo, em Itália, rumo ao Porto, onde aterrou numa zona de segurança, disse fonte da ANA - Aeroportos de Portugal ao Correio da Manhã.

A mesma fonte sublinhou que não se tratava de um "comportamento inusual".

Foi a tripulação que solicitou que a aterragem acontecesse numa zona de segurança, por precaução.

O mesmo jornal adianta que neste momento estão a ser feitas perícias à aeronave, sendo que os passageiros chegaram a ficar retidos no interior do avião durante cerca de 15 minutos, mas entretanto a situação já terá sido normalizada.