Politica

António Costa: "Ruben de Carvalho era, antes de mais, um amigo"

O histórico do PCP morreu esta terça-feira, aos 74 anos, no Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

O primeiro-ministro prestou as suas condolências ao partido comunista e à família de Ruben de Carvalho. Entre os vários elogios, António Costa não deixou de referir que hoje perdeu um amigo. 

"Ruben de Carvalho era, antes de mais, um amigo, numa amizade que construímos nos seis anos de intenso convívio na Câmara Municipal de Lisboa", salientou. 

António Costa caracterizou o antigo dirigente comunista como um "homem de cultura e inteligência política invulgares, sentido de humor e extraordinária exigência de caráter". 

"Ruben de Carvalho adorava a vida e se teve tempo de uma última despedida, deve ter dito para si 'foi bonita a Festa, pá!'. Já transmiti os meus sentimentos à sua família e ao secretário-geral do PCP", escreveu o primeiro-ministro nas redes sociais.