Internacional

Jovem queimada viva pelos amigos não sobrevive aos ferimentos

Daniela apresentava queimaduras de segundo e terceiro grau em 95% do corpo e apesar dos esforços médicos não conseguiu sobreviver aos ferimentos.  

Uma jovem mexicana de 23 anos morreu este sábado devido a queimaduras graves infligidas por amigos numa festa.

No dia 25 de maio, Daniela foi a uma festa acompanhada por um grupo que, depois de ter ingerido alcóol e substâncias narcóticas, regaram o corpo da jovem com gasolina e posteriormente incendiaram-no, de acordo com a ABC espanhola. 

Depois de terem cometido o crime, os amigos da jovem abandonaram-na, no entanto, esta conseguiu pedir ajuda e foi internada no Hospital Regional de Tzompantepec em terapia intensiva. Daniela apresentava queimaduras de segundo e terceiro grau em 95% do corpo e apesar dos esforços médicos não conseguiu sobreviver aos ferimentos.  

A identidade dos responsáveis do crime não é conhecida, mas as autoridades já iniciaram uma investigação para averiguar quem são os culpados da morte da jovem.