Sociedade

Joe Berardo vai abrir dois museus em Estremoz

Empresário pretende abrir um museu para a coleção de azulejaria e outro para a sua coleção de arte africana.

Joe Berardo, conhecido empresário madeirense que ultimamente tem estado no centro de várias polémicas, com dividas de quase mil milhões de euros ao Novo Banco, Millenium BCP e Caixa Geral de Depósitos, está a preparar a abertura de dois novos museus em Estremoz, escreve o “Público”.

De acordo com o mesmo jornal, os protocolos com a câmara municipal de Estremoz foram celebrados nos dias 14 de julho de 2016 e 17 de abril de 2019.

O primeiro museu a abrir será o Museu do Azulejo no Palácio dos Henriques que irá ter o desígnio de Museu Berardo Estremoz. De acordo com o “Público” os trabalhos já arrancaram e obrigaram a um investimento de mais de 2,5 milhões de euros, sendo que 85% desse valor é comparticipado por fundos comunitários. 

Este novo museu vai acolher ainda outras obras das várias coleções do empresário madeirense.