Internacional

Joseph Allen já é o nono turista americano a morrer na República Dominicana nos últimos treze meses

Joseph Allen é, pelo menos, o nono turista americano a morrer num resort na República Dominicana ou a morrer depois de adoecer em um, nos últimos 13 meses. 

Mais uma morte de um americano na República Dominicana foi tornada pública. Um homem de New Jersey morreu num hotel na semana passada, de acordo com a sua família, tornando-o, pelo menos, o nono turista americano a morrer num resort na República Dominicana ou a morrer depois de adoecer em um, nos últimos 13 meses. 

Joseph Allen foi encontrado morto no passado dia 13 de junho no seu quarto no Hotel Terra Linda, na cidade costeira de Sousa, na República Dominicana, segundo a sua irmã Jaimie Reed contou à CNN. 

A família não sabe o que causou a morte do homem de 53 anos. Allen estava a viajar com amigos e já tinha ficado hospedado anteriormente neste resort.  

Os amigos de Allen disseram à família que este confessou ao grupo não se sentir bem, na noite anterior a ser encontrado no seu quarto sem vida. 

"Oferecemos as nossas mais sinceras condolências à família pela  perda", disse um porta-voz do Departamento de Estado. "Por respeito à família durante este período difícil, não iremos fornecer informações adicionais". 

Recorde-se que no passado domingo foi confirmada a morte de Leyla Cox, a oitava americana a morrer na República Dominicana desde o ano passado.  A mulher foi encontrada no seu quarto, no Excellence Resorts, em Punta Cana, um caso muito semelhante ao de Allen.

As autoridades da República Dominicana chamaram as mortes de eventos isolados e afirmam estar a trabalhar para garantir segurança aos viajantes. "Nos últimos cinco anos, mais de 30 milhões de turistas visitaram a República Dominicana, mas esta é a primeira vez os media internacionais relatam uma situação tão alarmante", disse o ministro do Turismo, Francisco Javier Garcia, no início deste mês.  "Estes são incidentes isolados e a República Dominicana é um destino seguro", acrescenta.