Sociedade

Marcelo promulga lei que permite funcionários públicos acompanharem os filhos à escola no primeiro dia

O Presidente da República defende que a mesma legislação seja imposta aos trabalhdores do setor privado.

O Presidente da República promulgou, esta quarta-feira, a medida que permite que os funcionários públicos possam faltar ao trabalho para acompanhar um filho menor, até aos 12 anos, no primeiro dia de escola, e defende que um regime idêntico deve ser imposto para os trabalhadores do setor privado e social. 

"Louvando-se a iniciativa educativa e cívica, relativamente aos trabalhadores da Administração da Pública, espera-se que possam ser criadas condições para idêntico regime quanto aos trabalhadores do sector privado e social, por forma a evitar uma divisão no sector do trabalho em Portugal", pode ler-se na página oficial da Presidência da República. 

A lei tinha sido aprovada em Conselho de Ministros na passada quinta-feira.