Internacional

Incêndio num submarino russo provocou a morte a 14 marinheiros

Causas do fogo ainda estão por apurar

O Ministério da Defesa da Rússia informou, esta terça-feira, que catorze marinheiros tinham morrido, na sequência de um incêndio num submarino da Marinha nacional.

A embarcação da Marinha russa estava a realizar testes militares em águas territoriais do norte do país. As causas do incêndio estão ainda por apurar.

O Governo anunciou ainda que já aberto um inquérito para averiguar as circunstâncias do incidente que fez 14 vítimas mortais.

As chamas foram extintas pela restante tripulação do submarino, que está ancorado no porto ártico de Severomorsk, uma base da Frota do Norte da marinha russa, para reparações.