Economia

Porto vai acolher novo El Corte Inglés após chumbo de Rui Rio há 15 anos

Cadeia espanhola tem direito de superfície sobre aquele terreno desde 2000

Porto vai acolher novo El Corte Inglés após chumbo de Rui Rio há 15 anos

O projeto do El Corte Inglés na Rotunda da Boavista, no Porto, vai ser retomado. A informação foi avançada, esta quinta-feira, pelo vereador Ricardo Valente, com o pelouro da Economia, Turismo e Comércio.

O vereador adiantou ao Dinheiro Vivo que o “projeto vai avançar em moldes muito interessantes para a cidade”. “Só temos a agradecer e dar as boas vindas ao Corte Inglés”, acrescentou.

Para Ricardo Valente, “não faz sentido ter uma cratera na cidade”. O vereador referia-se assim ao quarteirão da rotunda da Boavista, de que o grupo espanhol fez questão de garantir com a Refer o direito de superfície por 99 anos, apesar do chumbo do projeto pela autarquia do Porto.

Tudo indica que o gigante espanhol retoma assim a ideia de abrir um grande espaço na Rotunda da Boavista, na Invicta, depois de o projeto ter sido chumbado há 15 anos pela Câmara do Porto, presidida à época por Rui Rio.

Apesar do chumbo, o grupo empresarial parece não ter desistido da ideia e há um ano admitiu que continuava "interessado naquela localização", embora não estivesse prevista “a curto prazo” a “construção do novo armazém", citou na altura o Jornal de Notícias.

O mesmo jornal adianta agora que a cadeia espanhola não tinha avançado ainda com a decisão definitiva porque aguardava pelos resultados dos trabalhos de prospeção no subsolo. Queria assim garantir o benefício no local da estação de metro da Linha Rosa.

O El Corte Inglés tem duas superfícies no País, um na Avenida António Augusto Aguiar, em Lisboa, e outro na Avenida da República, em Vila Nova de Gaia.

Os comentários estão desactivados.