Sociedade

MAC em risco de suspender cirurgias por tempo indeterminado

CHUL garante que já começou o processo de contratação dos anestesiologistas e que situação que deverá ficar resolvida na próxima semana

 


A falta de anestesistas vai obrigar à suspensão de cirurgias já agendadas na Maternidade Alfredo da Costa.

É já esta segunda-feira que é esperado que a MAC  suspenda as cirurgias por tempo indeterminado.

Por outro lado, o Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central (CHUL) garantiu, através de um comunicado, que está “a fazer todos os possíveis para encontrar soluções de modo a que as cirurgias programadas em ginecologia ocorram nos prazos fixados, salvaguardando o atendimento das cidadãs que necessitam deste tipo de cuidados”.

“Até ao momento, não foi cancelada atividade cirúrgica na especialidade de Ginecologia e os serviços encontram-se a definir soluções internas por  forma a evitar que isso ocorra”, acrescentou.

O CHUL adiantou que já começou "o processo de contratação dos anestesiologistas em falta, em regime de prestação de serviços, situação que deverá ficar resolvida na próxima semana".

Os comentários estão desactivados.