Politica

Catarina Martins quer 35 horas laborais para todos

Proposta constará no programa eleitoral do Bloco de Esquerda

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, anunciou este domingo que o seu partido vai defender a introdução das 35 horas semanais para todos os trabalhadores no programa eleitoral para as legislativas de 6 de outubro.  Para o Bloco de Esquerda, a redução do horário de trabalho para as 35 horas “permitiria criar mais de 200 mil postos de trabalho”. Atualmente a medida só se aplica na Função Pública.

De realçar que recentemente, o presidente do PSD, Rui Rio, admitiu, em entrevista à TVI, que não iria mexer nas 35 horas semanais de trabalho aplicadas aos trabalhadores da Administração Pública, mantendo a medida, aprovada pelo Governo do PS. Isto no caso de vencer as eleições legislativas.