Sociedade

Homem mata mãe depois de esta se recusar a dar-lhe 20 euros para gasolina

Manuel Mirandela Limões atingiu a mãe com uma bengala e estrangulou-a

Um homem, de 39 anos, está acusado dos crimes de homicídio qualificado e de profanação de cadáver, depois de ter matado a mãe, de 67 anos, com uma bengala.

De acordo com o Jornal de Notícias, Manuel Mirandela Limões começou a agredir a mãe, com a bengala da mesma, depois de esta se recusar a dar-lhe 20 euros para gasolina. O suspeito terá atingido Áurea Mirandela com pelo menos três pancadas na cabeça e na face.

Segundo o mesmo jornal, o caso, que remonta a 2018, ocorreu junto à berma da estrada em Bragadas, Ribeira da Pena. Depois das agressões com a bengala, Manuel estrangulou a mãe até à morte e desfez-se do corpo.

Áurea Mirandela desapareceu a 4 de outubro do ano passado e o corpo viria a ser encontrado apenas três meses depois, a 23 de dezembro. O cadáver, que foi encontrado por caçadores, estava junto a uma linha de água em avançado estado de decomposição, escreve o Jornal de Notícias.

O homem foi detido pela Polícia Judiciária três dias depois do desaparecimento da mãe.