Vida

"Estou muito feliz porque ainda cá estou, não morri"

Artista desabafa sobre momento difícil da vida.

Após passar por uma fase mais complicada, depois de ter vencido um cancro na tiróide e outro na mama, Rebeca diz estar mais feliz do que nunca. "Estou muito feliz porque ainda cá estou, não morri", disse no programa ‘Alô Portugal’, da SIC.

A artista, que vai ter um verão com agenda preenchida, contou alguns dos momentos preocupante que viveu nos últimos tempos.  "Achei que estava a ser ainda mais infeliz. Com cancros, as quimioterapias, radioterapias e não poder fazer aquilo que eu mais amo que é cantar, estava a ficar com uma depressão. Decidi, a partir de fevereiro, dar a cara e mostrar aquilo que eu era e a fazer os meus concertos".

Rebeca serviu de inspiração para muitas pessoas depois de ter perdido o medo e ter ido à televisão sem cabelo. "Cheguei a ter públicos à minha frente, ainda hoje, que me vão ver com peruca e depois tiram a peruca", disse.

"Se ajudei só uma mulher já fico bem, mas sei que ajudei muito mais e quero ajudar. Se ainda cá estou, se consegui fazer todos os tratamentos, os outros também só conseguem", concluiu a artista.