Internacional

Mulher foge de restaurante sem pagar e diz que pagamento "fica por conta de Deus"

Mulher alegou que estava a "morrer de fome"

Uma mulher, de 30 anos, foi detida no Novo México, Estados Unidos, por roubar uma refeição.

De acordo com documentos judiciais, citados pela imprensa local, Delila Hernandez  pediu a comida e recusou-se a pagar alegando que esta ficava “por conta de Deus”. O funcionário do restaurante de fast food ainda tentou impedir que a mulher levasse a comida, mas esta acabou por ameaçá-lo e fugir.

O funcionário acabou por alertar a polícia que, mais tarde, encontrou a mulher num parque próximo do restaurante.

Confrontada pelas autoridades, a mulher disse hesitou em comer a refeição por se sentir mal. No entanto, acabou por ceder porque estava “a morrer de fome”.

A mulher é agora acusada de roubo, mas as autoridades admitem que a acusação pode ser reduzida e que a mulher poderá ser apenas condenada a pagar ao restaurante e ainda uma pequena multa.