Sociedade

GNR detém homem suspeito de violência doméstica em Paredes

Agressor não aceitava o fim da relação e foi detido em flagrante delito depois de ameaçar a vítima à frente de militares da GNR

A GNR anunciou este domingo que deteve um homem de 63 anos em Paredes por suspeita de violência doméstica. 

Em comunicado, as autoridades explicam que a vítima, ex-namorada do agressor, tem 45 anos e queixava-se de ter sido alvo de maus tratos, tanto físicos como psicológicos. A GNR, citada pela Lusa, detalhou ainda o momento da detenção: "No percurso que fez para o posto, a mulher foi perseguida, e já na presença de militares, o homem ameaçou-a, o que permitiu ser detido em flagrante delito".

Mais, a investigação concluiu que a vítima tinha um localizador GPS no seu veículo, podendo o detido "saber quais os locais onde a mulher se encontrava diariamente".