Sociedade

2ªfase. Média de exames principais é mais baixa que 1ªfase mas mais alta que no ano passado

Comparando as médias deste ano dos exames principais com as do ano passado, a subida é notória. O exame de Português melhorou o resultado em uma décima, passando dos 10,2 valores para os 10,3 valores e o exame de Matemática subiu seis décimas, sendo que a média deste ano é de 11 valores.

De acordo com informações divulgadas pelo Ministério da Educação, as médias dos exames desceram nos principais exames do secundário, comparativamente à primeira fase. A prova de Português desceu de 11,8 valores para 10,3, Matemática A de 11,5 para 11, Física e Química A de 10 valores para 9,6 e Biologia e Geologia também passou de 10,7 para 10,3.

No entanto, também ocorreram subidas. A disciplina de Geografia registou uma subida de 10,3 para 11,2 e o exame de Filosofia passou a ter uma média positiva, subindo de 9,8 valores para 10,6.

Já Literatura Portuguesa, Latim A, História A e Matemática B apresentam médias negativas, sendo que a mais baixa pertence a Latim A, com 8,1 valores e com uma taxa de reprovação de 60%, a mais alta nesta fase dos exames nacionais.

Comparando as médias deste ano dos exames principais com as do ano passado, a subida é notória. O exame de Português melhorou o resultado em uma décima, passando dos 10,2 valores para os 10,3 valores e o exame de Matemática subiu seis décimas, sendo que a média deste ano é de 11 valores.

Já o exame de Física e Química apresenta uma descida notória de quase dois valores, comparativamente ao ano passado, passando de 11,4 para 9,6 valores. Também o exame de Geometria Descritiva passou de 12,8 para 11,2 valores e Filosofia de 11 para 10,6. Ao todo, dez disciplinas apresentaram resultados mais baixos este ano, do que em 2018. 

Segundo os dados do Ministério da Educação, os exames que tiveram mais alunos inscritos foram as disciplinas de Física e Química A, Biologia e Geologia, Matemática A e Português, o que já é habitual, no entanto, este ano houve menos alunos a realizar as fases na segunda ronda - foram realizadas 107.807 provas, uma diminuição face às 115.105 provas de 2018. 

Esta diminuição encontra-se "em linha" nas provas de Português e Matemática "com o aumento da média das classificações destes exames na 1.ª fase e a correspondente descida nas taxas de reprovação", declara o ME.