Economia

Faro continua a ser o distrito mais procurado para passar férias

Dados do OLX revelam que os locais preferidos dos utilizadores para passar férias são Monte Gordo, Vila Nova da Cancela e Vila Real de Santo António. Apesar de Faro ser o destino mais desejado, a procura diminuiu.

O Algarve continua a ser a região de eleição dos portugueses no que diz respeito ao destino de férias. A garantia é dada ao i pelo OLX, plataforma online de classificados, que refere que, de janeiro a julho, o distrito de Faro registou uma procura de casa para férias a rondar os 57%. Ainda assim, o valor é menor do que o registado em igual período do ano passado: 61,2%.

No top dos distritos mais procurados, seguem-se Leiria (8,9%), Setúbal (7,4%), Braga (4,4%) e Porto (2,7%). À exceção destes dois últimos distritos, que registaram um ligeiro aumento, todos diminuíram na procura de casa em relação ao período homólogo do ano anterior.

Ao i, o OLX explica ainda que, no distrito de Faro, os locais mais procurados são Monte Gordo, Vila Nova de Cancela e Vila Real de Santo António. Logo a seguir estão posicionados Alvor e Portimão. Com percentagem menor, seguem Albufeira, Armação de Pera, Silves, Quarteira, Almancil e Boliqueime.

No que diz respeito à média de preços das casas (por semana), Santarém foi o distrito a mostrar uma variação maior em relação a igual período do ano passado. Em 2019, o preço médio de uma casa por semana neste distrito é de 764 euros, enquanto há um ano era de 452 euros, o que significa uma variação de 41 %. Segue-se Beja, que regista um crescimento de 8%, situando-se agora numa média de 459 euros por semana no preço das casas de férias. Ao contrário, Coimbra foi o distrito a registar uma menor diminuição de preço: - 16%. O preço médio fixa-se nos 285 euros.

Ainda segundo a plataforma de vendas eletrónicas, em Faro todas as tipologias de casas (T1, T2, T3 e T4) registaram um ligeiro aumento no preço este ano em relação ao ano passado, revelando preços médios entre os 361 e os 957 euros, conforme a tipologia escolhida. Apenas um apartamento de tipologia T5 mostrou um decréscimo de 11%, com um preço de 1118 euros.

Ao i, o OLX avança que até ao dia 6 de agosto a plataforma tinha disponíveis 2536 anúncios para casas de férias. Até ao final de julho, já tinham sido realizados 192 749 contactos com o objetivo de arrendar casa para férias, um valor que representa um aumento de 24% desde o início do ano.

Já numa análise realizada em junho deste ano, o OLX tinha avançado que o Algarve continuava a ser a zona preferida dos portugueses para passar as férias de verão, sendo igualmente, naquela altura, o distrito de Faro o que mostrava maior procura: 64,5%.