Sociedade

PJ investiga morte de jovem em hotel de Braga

A vítima, de 28 anos, foi encontrada por familiares já em paragem cardiorrespiratória.

A Polícia Judiciária está a investigar a morte de um jovem estrangeiro num hotel de Braga que ocorreu ao final da tarde desta terça-feira. O objetivo é apurar as causas do falecimento, bem como se houve intervenção criminosa no caso.

A vítima, de 28 anos, estava hospedada no Hotel de Lamaçães, na cidade de Braga, tendo sido encontrada por familiares já em estado muito crítico, em paragem cardiorrespiratória, tendo sido assistida pelo INEM, que não conseguiu reverter a situação, declarando depois o óbito no próprio local, uma unidade hoteleira, situada na Avenida João II, em Nogueiró.

Uma médica, uma enfermeira e um técnico de emergência pré-hospitalar do Grupo de Braga do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) tentaram tudo, mas já não foi possível salvar a vida do jovem, sendo que só com a autópsia, no Gabinete Médico-Legal e Forense do Cávado, em Braga, serão mais claras as causas desta morte.

Uma patrulha do Posto Territorial da GNR do Sameiro acompanhou a situação logo desde o início, tendo acabado por chamar o Piquete da Polícia Judiciária de Braga, que por sua vez enviou para o local, já ao princípio da noite, uma equipa de inspetores da Brigada de Homicídios.