Internacional

Cantora morre após ser atingida por engenho pirotécnico durante concerto| Vídeo

Polícia está a investigar incidente

Joana Sainz, uma cantora espanhola, de 30 anos, morreu este sábado, depois de ser atingida por um engenho pirotécnico durante um espetáculo no município de Las Berlanas, nos arredores de Madrid.

A cantora, que fazia parte do grupo Orquesta Super Hollywood acabou por cair inanimada no chão, depois de se ouvir uma grande explosão no lado direito do cenário onde a banda atuava.

Joana Sainz acabou por ser socorrida por um médico que se encontrava no público. Apesar de ainda ser transportada para o hospital com vida, acabou por morrer.

A polícia está agora a investigar o caso.

De acordo com o El Diario, o diretor da empresa responsável pela produção do espetáculo, Isidro Lopez, garantiu que aquele tipo de espetáculo pirotécnico tem sido realizado com sucesso há mais de seis anos naquela festa e que este foi o primeiro incidente.