Sociedade

Homem de 67 anos morre de ataque cardíaco depois de ver o seu carro consumido pelas chamas

O incêndio deflagrou por volta das 10:50, em Ferreira do Alentejo

Um homem de 67 anos morreu esta quarta-feira, em Ferreira do Alentejo, vítima de um ataque cardíaco, após ter visto o seu carro e a casa do vizinho serem destruídos pelas chamas de um incêndio que teve início na carrinha ligeira de transporte de mercadorias que lhe pertencia.

O incêndio deflagrou por volta das 10:50, de acordo com o adjunto do comando dos Bombeiros Voluntários de Beja, Pedro Santos, citado pela agência Lusa. As chamas acabaram por chegar a uma casa que servia de armazém e a um posto de eletricidade adjacentes, o que dificultou o combate dos operacionais. 

Quando se deparou com a situação, o dono da viatura sentiu-se mal disposto, ficou inconsciente e teve uma pararem cardiorrespiratória. O homem foi submetido a manobras de reanimação realizadas por bombeiros e assistido pela equipa da viatura médica de emergência e reanimação do hospital de Beja, mas acabou por não resistir e o óbito foi declarado no local. 

Além da viatura da vítima mortal, a fachada da casa do vizinho também foi destruída. 23 operacionais e oito veículos dos Bombeiros Voluntários de Beja e Ferreira do Alentejo, da GNR, da EDP e do Instituto Nacional de Emergência Médica de Portugal (INEM) estiveram no local.