Desporto

Internacional. Os touros vermelhos prometem sarilhos

O Leipzig, adversário do Benfica amanhã, na Luz, controlou o Bayern (1-1). City e Wolves de menos em Inglaterra; Jesus em grande ao bater o Santos (1-0).

Em vésperas de semana com competições europeias, os campeonatos do continente, como de costume, fervilharam no sábado e caíram num domingo de moleza que casa bem com o calor de ananases que nos rodeia. O adversário do Benfica de amanhã, no Estádio da Luz, para a primeira jornada da Liga dos Campeões, Red Bull Leipzig, teve uma tarefa complicada, recebendo o pluricampeão Bayern de Munique, mas saiu-se dela a contento. Depois de se ver a perder desde cedo, com um golo do inevitável Lewandovski aos 3 minutos, reagiu com gana e atingiu o empate já na fase de descontos para o intervalo graças a um penálti convertido por Emil Forsberg. E, desta forma, à quarta jornada comanda a Bundesliga e promete sarilhos para os encarnados.

Em Inglaterra, a derrota do Manchester City em Norwich (2-3) fez barulho, sobretudo pela incapacidade revelada pelos moços de Guardiola, uma incapacidade que parece estender-se à armada lusitana do Wolverhampton de Nuno Espírito Santo, goleada em casa pelo Chelsea por 2-5 e arrastando-se tristemente pelos fundos da classificação a poucos dias de defrontar o Braga. Com cinco vitórias em cinco jogos, o Liverpool (venceu por 3-0 em Burnley) comanda desafogado, com mais cinco pontos do que os atuais campeões do City.

Em Espanha, o Real Madrid teve momentos de fulgor, mas foi com dificuldade que suportou o assédio final do Levante, que reduziu de 0-3 para 2-3 enquanto o Barcelona desfazia um Valência em crise existencial por 5-2 em Camp Nou, com mais uma exibição do jovem Fati, moço cuja família é natural da Guiné-Bissau e que está a ser a maior surpresa deste início de época, ofuscando João Félix, que esteve muito abaixo das suas possibilidades em Anoeta, estádio da Real Sociedad, de onde o Atlético Madrid saiu vergado ao peso de um duro 0-3. Félix foi substituído aos 57 minutos e o técnico Simeone não se impediu de desabafar no final: “Há jovens nesta equipa que precisam de ganhar maior peso”.

Ronaldo em branco no branco empate da Juventus em Florença (0-0) e Jorge Jesus sempre em grande, no Brasileirão, depois da vitória no Maracanã frente ao Santos (1-0), reforçando a liderança e não evitando o bate-boca com a imprensa carioca: “Se quiserem arranjar problemas, se têm alguma coisa entalada na garganta porque o Flamengo está a ganhar, tudo bem. Agora, não inventem coisas que eu não disse”. E o que não terá dito e algum jornalista extrapolou é que os treinadores brasileiros estavam ultrapassados. Mas com estas coisas pode Jesus bem, como todos nós sabemos.

Na Holanda, o PSV, próximo adversário do Sporting na Liga Europa, goleou o Vitesse por 5-0. O Young Boys, que defrontará o FC Porto, empatou em Lucerna (2-2). O Standard, opositor do V. Guimarães, foi por sua vez derrotado no campo do Anderlecht (0-1).