Internacional

Casal esconde sexo do filho para o proteger de "preconceito de género"

Criança tem 17 meses de idade

Um casal, que vive em Keynsham, Inglaterra, decidiu ocultar o sexo do filho das outras pessoas com o objetivo de o proteger do “preconceito de género”.

Segundo o The Times, Hobbit Humphreye e Jake England-Johns vestem a criança, que atualmente tem 17 meses, com roupas de rapaz e de rapariga. Além disso, o casal pediu desde sempre aos amigos e à família que evitassem usar pronomes como 'ele’ ou ‘ela’ para se referirem a Charlie.

Os pais, que acham que esta é a única forma do filho não alvo de discriminação sexual, consideram que será a criança a escolher mais tarde como prefere ser tratada, de forma a ser também aquilo que quiser.

O casal levou a questão tão a sério que os próprios avós de Charlie só descobriram se tinham um neto ou uma neta aos 11 meses de idade, quando lhe mudaram uma fralda.