Desporto

Bernardo Silva pode ser suspenso por seis jogos após brincadeira com amigo

Associação de combate ao racismo emitiu comunicado após notificar a federação inglesa de futebol.

A associação Kick It Out, de combate ao racismo, pediu, esta segunda-feira, para que a federação inglesa de futebol tome medidas após a publicação de Bernardo Silva nas redes sociais sobre o seu companheiro de equipa, Benjamin Mendy. De acordo com o regulamento, caso seja culpado de racismo, o português incorre numa pena de seis jogos de suspensão, escreve o jornal O JOGO.

Recorde-se que o futebolista fez a publicação em questão, no Twitter, numa brincadeira com o seu colega de equipa no Manchester City. O internacional português partilhou uma imagem do chocolate ‘Conguito’ ao lado de Mendy, que não pareceu ofendido e respondeu à publicação com três sorrisos e um emoji a bater palmas. "1-0 para ti, mas espera", respondeu o futebolista.

Depois de ser criticado por vários utilizadores, Bernardo Silva acabou por retirar a publicação da rede social. Mas deixou uma explicação: “Hoje em dia não se pode brincar com um amigo”.

De acordo com o The Guardian, a Kick It Out disse ter ficado "extremamente desapontada ao ver o tweet por Bernardo Silva, que entretanto foi apagado. Os estereótipos racistas nunca são aceitáveis como brincadeira e estamos chocados que alguém, que é um modelo para milhões de pessoas, não tenha entendido a natureza discriminatória da sua publicação". "A FA (federação) foi notificada e acreditamos que devem ser tomadas medidas, incluindo a educação obrigatória - o que é vital para desafiar comportamentos ofensivos como este”.

O futebolista arrisca então uma pena de suspensão que pode ir até seis encontros, embora o regulamento não refira o que fazer relativamente a comportamentos racistas nas redes sociais.

Recorde-se que Bernardo Silva e Benjamin Mendy são amigos desde 2016, quando ambos representavam o Mónaco, e desde então já protagonizaram inúmeros momentos de boa disposição.