Sociedade

Homem morre na Serra do Caramulo após duas picadas de vespa

A vespa asiática é maior e mais escura que a vespa comum e tem apenas uma lista amarela no abdómen.


Um homem, de 38 anos, morreu, esta quinta-feira, em Tondela, devido a duas picadas de vespa. O alerta foi dado às 8h33 e o incidente ocorreu na Serra do Caramulo, onde estiveram 14 elementos e sete veículos dos Bombeiros de Tondela, INEM e GNR.

Apesar de o oficial de Relações Públicas do Comando Territorial de Viseu da GNR ter confirmado à agência Lusa que havia um ninho de vespas asiáticas num pinheiro cortado, o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viseu ainda não confirmou que as picadas sejam da espécie.

“Andavam várias pessoas a deitar pinheiros abaixo e um deles tinha um ninho de vespa asiática. O ninho caiu, desfez-se e elas soltaram-se”, adiantou o tenente-coronel António Dias. O oficial de Relações Públicas afirmou que “só a autópsia poderá confirmar a origem da picada”, acrescentado que aquele ninho, “dificilmente estaria sinalizado”, devido à sua localização.

A vespa asiática é maior e mais escura que a vespa comum e tem apenas uma lista amarela no abdómen.

Os comentários estão desactivados.