Sociedade

Casal vivia com cães mortos em casa e dezenas de animais enjaulados em Santarém

Factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Torres Novas.

Um casal, de 27 anos, foi identificado pela GNR por maus tratos a animais de companhia, no concelho de Alcanena, distrito de Santarém.

Segundo um comunicado da força de segurança, “na sequência de uma denúncia por maus tratos a animais, os militares constataram a existência de dois cães mortos dentro de uma propriedade, juntamente com diversos animais enjaulados, nomeadamente aves exóticas, coelhos, e porcos da índia”.

Desta forma, foi efetuada uma busca ao local e foram recolhidos 17 cães e 43 aves, cuja posse é proibida. Os militares da GNR efetuaram ainda diligências para apurar as condições em que os animais morreram.

“Os animais foram entregues em centros de recolha animal, sendo-lhes proporcionado os necessários cuidados veterinários e sanitários”, informa ainda a GNR.

Os suspeitos foram identificados, e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Torres Novas.