Politica

Depois de Galamba foi a vez de Rui Rio se pronunciar sobre Sexta às 9... mas por outros motivos

Social-democrata quebrou siléncio depois das eleições legislativas.

O arranque da nova ‘temporada’ do programa Sexta às 9 na RTP só aconteceu um mês depois do que estava inicialmente previsto, não tendo havido transmissão durante a campanha eleitoral que antecedeu as eleições legislativas. Rui Rio decidiu, este sábado, quebrar o silêncio após as eleições e levantou suspeitas sobre a RTP.

“Porque será que o Sexta às 9 foi suspenso antes das eleições, particularmente este programa que só pode ser emitido ontem? Pode haver mil razões, mas perante a gravidade do que aqui está... ", escreveu o social-democrata sobre o programa que regressou esta sexta-feira com um inquérito-crime aberto pelo Ministério Público (MP) por suspeitas de crimes económicos no ato da entrega pelo Estado de uma concessão para a exploração de lítio em Montalegre.

Na referida investigação estão envolvidos os socialistas Jorge Costa Oliveira, ex-secretário de Estado da Internacionalização, e Pedro Siza Vieira, ministro Adjunto e da Economia.

Recorde-se  que também João Galamba – que assumia o cargo de secretário de Estado da Energia no Governo de António Costa, cuja legislatura acabou agora com as eleições do passado domingo - publicou um longo texto sobre o programa, no entanto, por motivos diferente de Rio. Galamba dirigiu várias e graves acusações ao programa da estação pública.

A longa publicação de João Galamba não passou despercebida à apresentadora do programa, Sandra Felgueiras, que respondeu ao socialista nos comentários ao post do Facebook.