Vida

Fórmula matemática diz que esta é a mulher mais bonita do mundo

A ciência consegue explicar como é que os nossos olhos encontram beleza.

A manequim Bella Hadid é a mulher mais bonita do mundo, e é a ciência que o diz. Um famoso cirurgião plástico de Harley Street, uma rua no centro de Londres conhecida pela sua concentração de clínicas médicas, aplicou a chamada Proporção Áurea às feições de várias celebridades, para avaliar a sua beleza.

A fórmula matemática representada pela letra grega Φ ou Phi (que se lê fi) é usada desde a Antiguidade para reproduzir e corresponder à perceção de beleza, que se prende com a simetria da localização de vários elementos no nosso rosto, como os olhos, o nariz e a boca. Os mestres renascentistas, como Leonardo Da Vinci, recorriam ao Phi, para criar as suas obras de arte, como é o caso do Homem Vitruviano.

Agora, centenas de anos mais tarde, a mesma fórmula foi aplicada ao contrário, em vez de procurar criar a proporção perfeita numa tela, o médico Julian de Silva foi descobrir onde esta se encontrava mais aproximada em modelos vivos.

E de acordo com o estudo do cirurgião é Bella Hadid, de 23 anos, que mais fica perto da proporção áurea, com uma aproximação de 94.35% da fórmula matemática. Já a sua irmã Gigi, um ano mais velha e com quem tem tantas (aparentes) semelhanças, não faz sequer parte do top 10 das mulheres mais bonitas, segundo este padrão.

Em segundo lugar surge Beyoncé, de 38 anos, seguindo-se a atriz Amber Heard, com a cantora Ariana Grande no seu encalço.

Em quinto lugar está outra cantora Taylor Swift, sendo que em sexto é outra manequim que se destaca: Kate Moss.

As atrizes Scarlett Johansson e Natalie Portman, consideradas ícones de beleza mesmo sem recurso a fórmulas matemáticas, ocupam, respetivamente, o sétimo e o oitavo lugar, do top 10 do também chamado número de ouro. Em nono lugar está a cantora Katy Perry e em décimo a modelo Cara Delevingne.

O especialista em medicina estética revelou que usa o Phi em várias tecnologias para executar o seu trabalho.