Sociedade

Governo assume 85% dos estragos causados pela passagem do furacão Lorenzo pelos Açores

 Governo da República assumiu “sem reservas o dever de solidariedade” para com os Açores

Vasco Cordeiro, presidente do Governo dos Açores, anunciou esta segunda-feira que o Governo assumiu “uma quota correspondente a 85%” dos estragos causados pela passagem do furacão Lorenzo no arquipélago.

Além disso irá agilizar os procedimentos para recuperar as infraestruturas destruídas. O executivo esteve ontem reunido com o primeiro-ministro, António Costa.

“Há um trabalho de aprovação de uma lei que possa agilizar os procedimentos relativos à contratação pública, obviamente com a salvaguarda da transparência e da concorrência até dessa contratação. Há da parte do Governo da República também uma participação clara no esforço financeiro de recuperação desses estragos, assumindo uma quota correspondente a 85% desse esforço e ficando a região com 15% desse esforço para recuperar esse conjunto de infraestruturas”, declarou Vasco Cordeiro.