Sociedade

Jovem portuguesa desapareceu na Suíça há cinco dias

Polícia local lança apelo no Facebook e refere que jovem tem “ligeiro atraso cognitivo”.

Cláudia Faustino, de 22 anos, está desaparecida desde o dia 17 de outubro, em Neuchâtel na Suíça.

A jovem saiu de casa, na localidade de Le Locle, pelas 7h30 de quinta-feira passada, e não voltou, nunca mais tendo sido vista.

A polícia local já lançou um pedido de ajuda nas redes sociais para localizar a jovem, que, segundo autoridades, terá um “ligeiro atraso cognitivo”.

No alerta lançado pela polícia, pode ler-se ainda que Cláudia Faustino é psicologicamente frágil”.