Sociedade

Fenprof felicita Ministério da Educação pela 'reação célere' mas lembra que este não é o único caso

A organização sublinha que o crime de agressão é, em qualquer circunstância, 'punível por lei'.

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) condenou, esta quarta-feira, a alegada agressão que terá ocorrido ontem, numa escola em Alvalade.

A organização sublinhou que, qualquer que seja a circunstância em que uma agressão acontece, esta é ‘um crime punível por lei, sendo que a agressão de um adulto a um menor, e ainda por cima, em contexto de sala de aula, constitui, certamente uma moldura penal agravada’.

A Fenprof felicitou ainda o Ministério da Educação pela ‘reação célere’, apesar de não deixar ‘de registar a total inoperância em muitos outros casos’, lembrando que também os professores e auxiliares de ação educativa são, muitas vezes, vítimas de agressão.