Politica

Ventura diz que CDS está "mais preocupado em humilhar" do que em resolver problemas dos portugueses

Deputado eleito pelo Chega critica protesto do CDS contra lugar atribuído.

André Ventura já reagiu à polémica relacionada com a distribuição de lugares na Assembleia da República, depois de o CDS não querer que este atravesse a sua bancada para entrar ou sair do hemiciclo.

Em declarações ao jornal i, o deputado eleito pelo Chega defendeu que os centristas estão mais “preocupados em humilhar” o partido, do que em resolver os problemas dos portugueses. “Talvez por isso já caibam todos num táxi quando tinham 19 deputados”, atirou Ventura.

A solução poderá mesmo passar pela realização de obras para criar uma entrada para o novo deputado, tal como admitiu o presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues.

A ideia terá sido sugerida pelo PEV – com o apoio do PCP - que concordou com a alegação do CDS.  Assim, seria aberta uma porta junto ao corrimão onde se senta o Chega.

O novo deputado garante que não está “preocupado com o lugar nem com a construção de uma nova porta” e considera que estes tipo de questão revela “o medo que o sistema tem de um partido frontalmente contra a corrupção e contra a imoralidade do sistema político”.