Vida

Mãe de Lady Gaga recorda passado difícil da filha

"Foi humilhada, insultada, andava sozinha".

A mãe da cantora Lady Gaga, Cynthia Germanotta, esteve no programa 'CBS This Morning', onde falou sobre a adolescência da cantora, que foi vítima de bullying durante a juventude e confessou que também não foi um período fácil para si. 

"A Stefani [nome da cantora] era muito única e isso nem sempre foi apreciado pelos colegas e, por isso, ela passou por muitos momentos difíceis. Foi humilhada, insultada, andava sozinha. Quando és jovem, isto é muito severo, afeta-te", disse. Cynthia diz que o que mais a entristeceu foi ver a filha deixar de ser uma pessoa feliz para ser uma pessoa que  "questiona a sua autoestima e tem dúvidas sobre si mesma". 

A mulher admite ainda que não estava preparada para lidar com a situação. "Acredito que nós, como indivíduos e sociedade, não tratamos [a saúde mental] da mesma forma que tratamos da saúde física. Portanto, certamente, quando isto aconteceu na nossa casa, não sabia o que fazer. Não estava preparada para lidar com isso", explicou. 

Hoje em dia, Lady Gaga aparenta ter ultrapassado esta fase e decidiu abrir uma fundação para ajudar os jovens a lidar com a saúde mental e com os problemas que enfrentam durante o crescimento, a Born This Way Foundation. Cynthia afirma que hoje em dia, graças à filha, compreende muito melhor como lidar com este tipo de situações.  

"O que realmente aprendi é que nenhuma família é imune a isto e todos devemos realmente saber onde e a quem pedir ajuda", afirmou. Na opinião de Cynthia, o melhor que as famílias que enfrentam este tipo de situações têm a fazer "é ouvir e entender. O que aprendi com a minha filha foi a saber ouvir e a validar os seus sentimentos", concluiu.