Desporto

Espanha. Liga vai para tribunal devido ao Barça-Real

O organismo não gostou de ver El Clasico adiado para 18 de dezembro

A decisão da marcação do Barcelona-Real Madrid para dia 18 de dezembro, por parte da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF), irá levar a Liga Espanhola a agir judicial e administrativamente, sem pedir medidas cautelares. Segundo aquele organismo, a decisão da RFEF causa "um dano irreparável ao futebol espanhol", com a Liga a justificar a sua ação com o desejo de garantir a "defesa dos direitos dos clubes e SAD’s" seus associados, "exigindo responsabilidades civis às instituições e pessoas intervenientes na decisão".

A Liga espanhola considera que a decisão de alterar a data do jogo da 10.ª jornada, inicialmente marcado para 26 de outubro - mas entretanto adiado devido à situação de instabilidade política que se vive na Catalunha -, viola o regulamento de comercialização conjunta dos direitos audiovisuais, os compromissos com os operadores televisivos e a integridade da competição.

Em cima da mesa, recorde-se, esteve uma possível inversão dos jogos, com o Santiago Bernabéu a receber El Clasico no próximo sábado. No entanto, além de os regulamentos da RFEF não o permitirem, os próprios clubes não se mostraram agradados com a ideia, chegando a acordo para a realização da partida a 18 de dezembro - a tal decisão que a Liga agora condena.