Sociedade

Recém-nascido encontrado no lixo recupera e está "clinicamente bem e estável"

Bebé não teria sobrevivido muito mais tempo se não tivesse sido encontrado

O bebé, que teria acabado de nascer quando foi encontrado num caixote de lixo junto à discoteca  Lux Frágil em Lisboa, está "clinicamente bem e estável", embora continue internado no serviço de nos cuidados intensivos do Hospital Dona Estefânia, para onde foi levado na tarde de terça-feira..

A informação foi confirmada ao Observador por fonte oficial do Centro Hospitalar Universitário Lisboa Central. Atualmente, o recém-nascido continua em observação permanecerá nos cuidados intensivos.

Segundo a mesma publicação, o estado de hipotermia em que se encontrava o bebé quando foi encontrado era de tal forma grave, que este não teria sobrevivido muito mais tempo se não tivesse sido encontrado.

Recorde-se que o bebé, do sexo masculino, ainda tinha parte do cordão umbilical, pelo que as autoridades acreditam que o parto teria acontecido recentemente.

O bebé terá sido abandonado no caixote de lixo na terça-feira de manhã, mas o alerta só foi dado à tarde, segundo a TVI - que avançou a notícia, por um sem-abrigo que frequentava a zona junto ao Lux Frágil, na avenida Infante D. Henrique, em Lisboa.