Internacional

Estudante abre fogo em universidade na Rússia e faz um morto e três feridos

Suspeito suicidou-se de seguida.

Um estudante matou a tiro, esta quinta-feira, um colega e deixou outros três feridos, numa universidade na Rússia, suicidando-se de seguida.

Segundo o Comité de Investigação do estado de Blagoveshchensk, o suspeito, um aluno de 19 anos, levou uma arma de caça para a sala de aula e atirou contra os colegas. Depois, acabou por se suicidar.

Dois dos estudantes que ficaram feridos tiveram de ser operados e um deles está em estado crítico.

As motivações do jovem são ainda desconhecidas. Enquanto alguns dos jornais russos escrevem que o suspeito terá sido expulso da aula por chegar atrasado, tendo depois regressado com uma espingarda e disparado contra os colegas, outros avançam que o suspeito sofria de bullying.

A polícia está a investigar o caso.

A universidade foi evacuada e as aulas acabaram por ser suspensas.