Economia

ANA confirma encerramento do aeroporto da Portela entre as 23h30 e as 5h30

O plano de expansão do aeroporto da Portela já previa alargar a zona de taxyway dos aviões e estender a capacidade de aparcamento de aeronaves do aeroporto.

O Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, vai fechar, entre janeiro e junho, a partir das 23h30 até as 5h30, para obras na pista. A garantia foi dada pelo diretor-geral da easyJet, durante a apresentação de resultados. Contactada pelo i, a ANA - Aeroportos de Portugal garante que o objetivo é melhorar a “eficiência da operação, obtendo maior fluidez na circulação dos aviões e redução dos percursos e das emissões de CO2”, acrescentando que comunicou esta informação às companhias aéreas “nos prazos definidos a nível internacional para o processo de alocação de slots”.

A ideia destas obras já não é nova. O plano de expansão do aeroporto da Portela já previa alargar a zona de taxyway dos aviões e estender a capacidade de aparcamento de aeronaves do aeroporto.

O constrangimento vai acabar por afetar o funcionamento das companhias áreas. A companhia low-cost easyJet já admitiu que este fecho vai obrigá-la a deixar cair a rota que ligava Lisboa a Lille, uma vez que ultrapassava a faixa horária que vai ser eliminada, revelou o JN.

Mas há outras rotas que estão a ser recalendarizadas dentro das poucas faixas horárias diurnas que o Aeroporto Humberto Delgado ainda permite. O único receio do responsável é o chamado “efeito de bola de neve”, que vai atrasando a operação por constrangimentos relacionados com outros aeroportos e controlos de tráfego aéreo e que acabam por levar a um prolongamento dos horários estipulados.