Sociedade

GNR regista mais de 1800 infrações no transporte de mercadorias

Foram fiscalizados 2904 condutores entre 18 e 24 de novembro.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) anunciou que entre 18 e 24 de novembro registou mais de 1853 infrações relacionadas com o transporte de mercadorias. Em comunicado, a autoridade informou que foram fiscalizados 2904 condutores pelos militares e pela Unidade Nacional de Trânsito.

Das infrações registadas, 394 estavam relacionadas com o tacógrafo – usado para monitorizar o tempo de uso, distância percorrida e a velocidade do veículo –, 247 por excesso de peso e 107 relacionadas com o sistema de iluminação e sinalização. Por falta de inspeção periódica ficaram registados 66 veículos, 43 relacionadas com anomalias nos pneus e 34 por deficiente acondicionamento e disposição da carga.

A operação teve por objetivo “promover a segurança rodoviária dos seus utilizadores” e “garantir o cumprimento dos normativos legais aplicáveis”.

Em 2018, a GNR registou 1933 infrações.