Sociedade

Português condenado na Suíça por apedrejar polícia

Foi-lhe ainda aplicada a pena acessória de expulsão do país.

Um português foi condenado, esta quinta-feira, a dois anos de prisão efetiva por um tribunal suíço. O homem estava acusado de ter apedrejado um polícia daquele país em 2017.

Foi condenado por ofensa à integridade física grave na forma tentada e ofensa simples consumada, segundo a imprensa suíça.

Além da prisão efetiva, o português foi ainda condenado à expulsão da Suíça, país onde não poderá entrar durante um prazo de cinco anos, como pena acessória.

Sublinhe-se que o português também tinha interposto um processo judicial contra o agente policial, por este o ter baleado. O polícia justificou o disparo com o facto de estar apenas a defender-se do apedrejamento.

O caso no entanto foi arquivado.