Sociedade

Mulher encontrada morta com sinais de agressões em cabeleireiro de Faro

As autoridades acreditam que se pode tratar de um homicídio.

DR  

Uma mulher de 68 anos foi encontrada morta, num cabeleireiro, em Faro, esta quinta-feira. Tudo indica tratar-se da proprietária do espaço. 

O alerta foi dado pelos vizinhos, que não viam a idosa há vários dias consecutivos. De acordo com o Jornal de Notícias, os agentes da PSP procuraram primeiramente a mulher em casa. Quando não a encontraram decidiram ir ao seu espaço de trabalho e foi onde encontraram o corpo com sinais de agressões, o que levou as autoridades a acreditar que se pode tratar de um homicídio.

A Polícia Judiciária está a investigar o caso.