Internacional

Madrugada em Nova Deli marcada por dezenas de mortes

"Os meus pensamentos estão com aqueles que perderam os seus entes queridos. Desejo aos feridos uma rápida recuperação”, escreveu o primeiro-ministro indiano, na sua conta oficial de Twitter.

Um incêndio que deflagrou numa fábrica no centro da capital da Índia, Nova Deli, na madrugada de domingo, provocou pelo menos 43 vítimas mortais e 16 feridos. De acordo com a agência Reuters, vários trabalhadores estavam a dormir no local quando o incêndio teve início. 

Segundo o responsável médico de um hospital estatal, Kishore Singh, as vítimas foram encaminhadas para o hospital por equipas de resgate, que estiveram no local, apoiadas por 25 viaturas, de acordo com o chefe dos Serviços de Bombeiros, Atul Garg.

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, afirmou que a situação era “extremamente horrível”. "Os meus pensamentos estão com aqueles que perderam os seus entes queridos. Desejo aos feridos uma rápida recuperação”, escreveu na sua conta oficial de Twitter.

A causa do incêndio ainda não é conhecida, no entanto, as autoridades e o governo comprometeram-se a realizar uma investigação para averiguar o que originou o deflagrar das chamas.