Desporto

Jogador do Flamengo chamado de "patinho feio" foi distinguido e Jorge Jesus não conteve as lágrimas | Vídeo

“Não sei se ele [Arão] é o patinho feio mas para mim ele é um patinho bonito, como são todos. Vou precisar de todos”, disse o técnico, quando chegou ao Flamengo.


Willian Arão, médio brasileiro de 27 anos, foi distinguido, esta segunda-feira, ao fazer parte da equipa ideal do Brasileirão, nos prémios Bola de Prata, da ESPN. No entanto, o momento ficou marcado pela emoção de Jorge Jesus, que ao ver o jogador subir ao palco não conteve as lágrimas.

Recorde-se que Arão era visto como um “patinho feio” do Flamengo, ideia que foi sempre rejeitada pelo técnico português.

“Não sei se ele é o patinho feio mas para mim ele é um patinho bonito, como são todos. Vou precisar de todos”, havia dito Jorge Jesus, em julho deste ano.

As palavras do técnico passaram à ação e Jorge Jesus fez do brasileiro um jogador indiscutível no onze desta época.

Ontem à noite, o Flamengo fez também história ao colocar sete jogadores na equipa ideal do Brasileirão e tornou-se no emblema com mais jogadores a fazê-lo.

Além de Arão, constavam no onze ideal Diego Alves, Rafinha, Bruno Henrique, Arrascaeta e Gabigol.