Internacional

Pai Natal é despedido depois de ficar excitado com criança de dez anos

O shopping brasileiro rescindiu o contrato com o trabalhador.

Um shopping em Contagem, na área metropolitana de Belo Horizonte, dispensou os serviços de uma empresa depois de um dos funcionários, vestido de Pai Natal ter ficado, alegadamente, excitado sexualmente quando uma criança se sentou ao seu colo para tirar uma fotografia.

A situação foi denunciada pela mãe da criança de dez anos nas redes sociais, onde publicou também a fotografia da criança com o funcionário. "Ontem fui levar minha filha no Big shopping. Ela quis tirar fotos com papai Noel, o papai Noel ficou exitado quando ela sentou em sua perna pra tirar a foto, eu queria tirar ela ele ficava a segurar a menina, minha filha tem 10 anos,ele não queria soltar,ele ficava virando ela de uma perna pra outra, até que eu a puxei do colo dele. Eu sei q tenho culpa por deixar ela tirar a foto, mas tome cuidado com a filha de vcs", pode ler-se no post, citado pela imprensa brasileira.

O estabelecimento comercial publicou, no seu Instagram, uma nota de esclarecimento onde explicava que decidiu rescindir o contrato de prestação de serviços com a empresa, e, segundo a assessoria do shopping, esta foi a primeira vez que o homem foi contrato.

A Polícia Civil informou na noite de quarta-feira que o homem terá procurado uma esquadra para fazer queixa, alegando que está a ser difamado nas redes sociais. "É muito triste para um pai de família passar por uma situação dessa. Foi triste, viu, gente? mas eu estou aqui de cabeça erguida para apresentar minha defesa diante das autoridades, dianta da população de Belo Horizonte", disse o homem, citado pelo G1. O homem alegou, no entanto, que sofre de hidrocelo testicular, uma doença que pode aumentar o tamanho dos testículos.

Uma outra mãe terá também, segundo a mesma publicação, achado o comportamento do Pai Natal estranho, no dia anterior. Depois deste caso se tornar público, a mulher terá analisado as fotografias da sua filha e tido a impressão de que "havia um grande volume do orgão genital".