Internacional

Vídeo mostra o momento emocionante em que filha e pai se reúnem depois de ela lhe salvar a vida

Numa luta contra o tempo, Tifanny era a única solução para o pai viver. Sem hesitar, devolveu-lhe a vida ao doar 65% do seu fígado.

No passado mês de maio, e com 62 anos, Richard Burdge foi diagnosticado com cancro e os médicos disseram-lhe que a única forma de sobreviver era com um transplante de fígado. No entanto, depois de vários testes que o colocaram em lista de espera, o norte-americano parecia estar numa luta contra o tempo, em que os números eram tudo menos animadores, uma vez que mais de 16 mil pessoas precisam de um transplante de fígado a cada ano nos Estados Unidos e só havia cerca de seis mil órgãos disponíveis.

Assim, a família decidiu que a solução para Richard viver era encontrar um dador, que viria a ser Tiffany, a sua filha de 30 anos.

 “Quando o meu pai teve o seu diagnóstico, a minha família fez panfletos e espalhou a noticia por email e Facebook, de que precisávamos de um dador. Tivemos alguns amigos e familiares que tentaram ser os dadores, mas nenhum foi capaz de passar por todo o processo de qualificação, pelos mais variados motivos. O meu irmão não tinha o mesmo tipo de sangue que o meu pai, e a minha irmã foi fazer o teste, mas como queríamos que ela fosse a cuidadora do meu pai, decidimos que ela não seria a opção certa”, começou por contar Tiffany, citada pelo Daily Mail, revelando que inicialmente não pôde realizar os testes porque tinha acabado de ser mãe.

Seis meses depois do parto e ainda sem uma solução, a mulher fez os testes necessários e descobriram que era compatível com o pai. Apesar dos receios, uma vez que Tifanny tinha três filhos pequenos, não hesitou e avançou para a cirurgia com o objetivo de salvar o pai, cujo tumor não parava de crescer.

A cirurgia realizou-se no Columbia Presbyterian Hospital, em Nova Iorque, e os médicos removeram 65% do fígado de Tifanny. O momento em que ambos se reencontraram depois das intervenções começou a circular nas redes sociais e tornou-se viral, com ambos a não conseguir conter as lágrimas.

Segundo a publicação britânica, pai e filha recuperaram com sucesso. Richard encontra-se livre de cancro e é acompanhado pelos médicos regularmente.